Busca no Blog

Carregando...

terça-feira, 24 de abril de 2007

A coleta de xilopódios do imbuzeiro para produção de doce



A foto


Nesta foto, podemos observar um agricultor retirando xilopódios de uma planta de imbuzeiro para produção de doce. A foto foi obtida na comunidade de Alto do Angico no município de Petrolina, PE no ano de 2003.


O fato



Na região semi-árida do Nordeste, muitos agricultores retiram os xilopódios de plantas adultas de imbuzeiro para produção de doce em massa, o chamado “doce de cuca de imbu”. Este tipo de doce é encontrado na maioria das feiras-livres da região e, também é levado para São Paulo, onde é bastante consumido. Essa atividade, embora seja uma alternativa de geração de renda para os agricultores, pode ser uma causa da degradação do meio ambiente e levar o imbuzeiro a extinção. Os xilopódios do imbuzeiro são órgãos de reserva do sistema radicular que armazenam água e substâncias nutritivas que são utilizados pelas plantas nos períodos de estiagem, com isso, a retirada dos xilopódios pode causar sérios danos as plantas. Em um estudo realizado durante 10 anos numa área de 197 hectares de caatinga do município de Lagoa Grande, PE, onde os agricultores retiravam xilopódios para produção de doce de 1182 plantas, foram encontradas menos de 5% de plantas mortas atribuídas a retirada de xilopódios. A maioria das plantas mortas (16,5%) foi cortada pelos agricultores para retirada de mel de abelha e 3,87% das plantas mortas foram atacadas por brocas e cupins que destruíram seus caules.

Nenhum comentário: