Busca no Blog

Carregando...

domingo, 4 de janeiro de 2009

Cisternas para o armazenamento de água de chuva




A foto

Nesta fotografia podemos observar a construção de uma cisterna. A foto foi obtida em 4 de setembro de 2008 no Campo Experimental da Embrapa Semi-Árido em Petrolina, PE.

O fato


As secas severas que assolam a região semi-árida do Nordeste e causam transtornos para população em relação à água para consumo humano, poderiam ser amenizadas com a captação e o armazenamento de água das chuvas em cisternas rurais. Essa alternativa poderá contribui para conter a grande perda de água que ocorre por escoamento em toda região. Todavia, a construção de 1 milhão de cisternas que esta ocorrendo no sertão, ainda não tem contido partes dos milhões de metros cúbicos de água que são perdidos por escoamento. Muitas cisternas têm sido construídas sem levar em consideração o volume de chuvas estimado para região e anualmente, logo após o final da estação chuvosa, já são encontradas famílias a espera dos carros pipas. O tamanho das cisternas, de 16000 litros, muitas vezes não é suficiente para armazenar toda água que é captada em períodos de chuvas regulares. Neste sentido, há necessidade de se rever o tamanho das cisternas para que as populações rurais do semi-árido consigam superar os desafios das secas.

Um comentário:

Anônimo disse...

Muito legal! Adorei

Postar um comentário