Busca no Blog

Carregando...

sábado, 3 de janeiro de 2009

Utilização de água armazenda em cisterna para produção de alimentos


A foto

Nesta fotografia, pode-se observar uma planta de mamão com bastante frutos, utilizando água de chuva acumulada em cisterna. A fotografia foi obtida em 30 de junho de 2008 na Comunidade de Barreiro no município de Petrolina, PE.

O fato

Na maioria das residências do Sertão nordestino, parte da água das chuvas é desperdiçada por falta de calha em todos os lados da residência ou porque as cisternas com capacidade para 16000 litros não acumulam toda água das chuvas. Todavia, quando esta água é totalmente armazenada, os agricultores podem cultivar um pequeno pomar com fruteiras ou hortaliças. Na comunidade de Barreiro, a água acumulada na cisterna destinada ao cultivo, proporcionou ao agricultor a produção de caju, acerola, limão, manga e mamão. Nesta comunidade choveu 530 mm no ano de 2008, com esta precipitação, o agricultor acumulou água nas duas cisternas, sendo uma para consumo da família e outra para irrigação do pomar. A água acumulada na cisterna foi dividida de forma que o agricultor pudesse colocar 1 litro de água por planta no período de janeiro a abril, 2 litros de junho a agosto e 3 litros de setembro a dezembro. No total, foram utilizados 10.400 litros para o cultivo de 36 fruteiras. Quando da ocorrência de chuvas, a irrigação foi suspensa e o excedente de água utilizado em outro período.

Nenhum comentário: