Busca no Blog

Carregando...

domingo, 22 de março de 2009

O dilema da produção de milho no sertão do Nordeste



A foto


Nesta fotografia podemos observar agricultores colhendo milho. A fotografia foi obtida em 30 de junho de 2004 na Comunidade de Alto do Angico em Petrolina, PE.


O fato


As irregularidades das chuvas na região semi-árida do Nordeste brasileiro são fatores limitantes para diversas culturas da região, principalmente a do milho. Para que o agricultor tenha sucesso no cultivo do milho no sertão, ele precisa fazer o plantio logo após as primeiras chuvas que ocorre na região. As primeiras chuvas, normalmente ocorrem no mês de dezembro, contudo, o mês de janeiro é de pouca chuva e o milho plantado em dezembro, muitas vezes não consegue sobreviver. Quando o agricultor planta nas chuvas de fevereiro, ao chegar a março e abril, falta chuva no momento que o milho mais precisa, isto é, na floração e formação de espigas. Assim, produzir milho no sertão nordestino é um dilema

Um comentário:

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.