Busca no Blog

Carregando...

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

As chuvas de dezembro no sertão de Pernambuco





A foto

Nesta fotografia, podemos observar a ocorrência de uma chuva na caatinga. A fotografia foi obtida no dia 14 de dezembro de 2010 no município de Petrolina, PE.

O fato

Na região semiárida do Nordeste, os meses de outubro, novembro e dezembro, normalmente são considerados os mais quentes e secos, isto é, com pouca ou nenhuma chuva. Contudo, se analisarmos a série histórica da ocorrência de chuvas na caatinga do município de  Petrolina, PE de 1982 a 2010 podemos observar que o mês de dezembro apresenta uma média de 56,7 mm com o maior volume registrado no ano de 1989 com um volume de 369,3 mm. Essas chuvas causaram muitos problemas para região, visto que, não era esperada tanta chuva para esse mês. Com esse total, o ano de 1989 fechou com 864,7 mm. Mais recentemente, tivemos 103,4 mm no mês de dezembro de 2009 que fechou com 878,6 mm, portanto, um pouco maior que o ano de 1989. Este ano, na comunidade de Pereiro, Distrito de Pau Ferro no município de Petrolina, PE foram registrados até o dia 30 de novembro, somente 351,5 mm. Contudo, nos primeiros 12 dias do mês de dezembro já foi registrado 157,8 mm. Esse total é superior a média do mês de março que é considerado o de maior ocorrência de chuvas na região e o segundo dezembro mais chuvoso em 29 anos. Entretanto, essas chuvas vieram trazer um grande alívio para toda região semiárida do Nordeste, visto que já estava faltando alimentos e água para os animais. Com relação à água para o consumo das pessoas,  essa necessidade vem sendo atendida pelos carros-pipas.

Nenhum comentário: