Busca no Blog

Carregando...

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

A borboleta na flor do imbuzeiro





A foto

Nesta fotografia, podemos observar uma bela borboleta na floração do imbuzeiro. A fotografia foi obtida no município de Petrolina, PE, em 28 de novembro de 2002.

O fato

No período de seca no Sertão do Nordeste, a natureza nos proporciona um espetáculo belíssimo com a floração do imbuzeiro. São inúmeras plantas que se destacam de longe na paisagem pela brancura de sua floração no meio de uma vegetação seca e sem folhas. É assim que a paisagem do Sertão fica com a floração do imbuzeiro. São milhões de flores que tem uma importância muito grande para a fauna o flora da região. Suas flores são fonte de alimentos para uma enorme quantidade de insetos da caatinga, com destaque para as abelhas, vespas, borboletas, etc. O imbuzeiro perde as folhas logo depois do inverno, e assim evita a transpiração. O período sem folhas é de aproximadamente 35 dias, esse estágio é conhecido como estado de dormência vegetativa, todavia a planta retira dos xilopódios cheios de reservas nutritivas o que necessita para sua reprodução. Normalmente ocorrem algumas chuvas nos meses de agosto e setembro, o que os agricultores chamam de chuvas da floração do imbuzeiro e  modificam a temperatura e a umidade relativa do ar, acelerando o metabolismo da planta com o aparecimento das primeiras flores e folhas. É nesse momento que ocorre a visitação dos insetos a floração do imbuzeiro. A abertura da flor do imbuzeiro acontece normalmente durante a madrugada, da hora zero as quatro, sendo o pico de abertura às duas horas da madrugada, permanecendo abertas durante as primeiras horas da manhã quando são visitadas pelos insetos. Na fotografia podemos ver uma borboleta estaladeira (Hamadryas feronia Lennaeus). Essa espécie é muito conhecida pelo fato de sempre pousar de cabeça para baixo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário