Busca no Blog

Carregando...

sábado, 8 de outubro de 2011

O ataque do cascudo a floração do imbuzeiro no Sertão de Pernambuco




A foto

Nesta foto podemos observar uma inflorescência do imbuzeiro após o ataque do cascudo. A fotografia foi obtida no dia 06 de outubro de 2011 no município de Petrolina, PE.

O fato

No período da floração do imbuzeiro no Sertão de Pernambuco, ocorre um intenso ataque de pragas que provocam a queda das flores, das folhas novas e dos frutos em formação. A praga responsável por esses danos é um pequeno coleóptero chamado de “Cascudo”. Essa praga é da família SCARABAEIDAE, do gênero Philoclaenia sp., medindo, aproximadamente 8,89 mm de comprimento e 3,24 mm de largura, de coloração marrom clara que voa, em geral, ao crepúsculo ou durante a noite, e causa danos aos ramos novos e inflorescências de algumas plantas. O ataque do cascudo   acontece normalmente à noite, quando ocorre a abertura das flores do imbuzeiro, o que, se dá durante a madrugada, da hora zero às quatro, ocorrendo o cascudo  o pico de abertura às duas horas da madrugada. Para o acompanhamento dos danos provocados pelos insetos as plantas, as observações devem ter início antes do nascer do sol, por volta das 4 horas da manhã, pois, com os primeiros raios do sol, os insetos se alojam no solo e embaixo de pedras e troncos, por serem insetos de hábitos noturnos. Os danos causados à floração do imbuzeiro pelo cascudo estão relacionados diretamente com os botões florais, flores, primeiros frutos e as folhas novas, os quais são totalmente destruídos pelo inseto. O cascudo causa danos na floração e na frutificação do imbuzeiro, retardando a safra em decorrência da queda da floração inicial e uma diminuição significativa na produção.

Nenhum comentário: