Busca no Blog

Carregando...

terça-feira, 22 de novembro de 2011

Já temos frutos do imbuzeiro maduro no Sertão de Pernambuco



A foto

Nesta fotografia podemos observar alguns frutos do imbuzeiro maduros. A fotografia foi obtida no dia 22 de novembro de 2011 no Campo Experimental da Caatinga na Embrapa Semiárido em Petrolina, PE

O fato

O imbuzeiro (Spondias tuberosa Arruda) é planta nativa da região semiárida do Nordeste brasileiro de grande importância para a complementação da renda dos pequenos agricultores. Entretanto, seu ciclo reprodutivo ainda é pouco estudado, o que dificulta um planejamento da produção para melhor aproveitamento da safra. Algumas pesquisas realizadas em plantas nativas do município de Petrolina, PE, indicaram a presença de plantas com produção precoce, isto é, essas plantas apresentam frutos maduros bem antes que as demais. Nos trabalhos de pesquisa foi acompanhada a evolução do ciclo reprodutivo de mais de 100 plantas nativas de imbuzeiro, compreendido entre a emissão do primórdio do botão floral e a maturação do fruto, obtivemos resultados bastante significativos. O estudo foi realizado na Estação Experimental da Caatinga na Embrapa Semiárido. Em cada planta foram escolhidos, ao acaso, em diferentes partes da copa, 392 ramos e etiquetados para anotações das ocorrências fenológicas. Nos dados obtidos foram determinados médias, desvios-padrão e coeficiente de variação. O período médio demandado entre o início da frutificação e a maturação dos frutos foi de 125,56 dias. A fenologia reprodutiva do imbuzeiro na região do sertão de Pernambuco ocorre no período mais crítico e na ausência de precipitações. Como os resultados das pesquisas indicaram que o período entre a frutificação e a maturação dos frutos é de 125 dias, acredita-se que na primeira quinzena de novembro já deveria existir imbu maduro na região. Essa hipótese foi confirmada tem sido confirmada a cada ano com a colheita dos frutos, como se pode ver na fotografia.

Nenhum comentário: