Busca no Blog

Carregando...

terça-feira, 31 de janeiro de 2012

A primeira cisterna de plástico no Sertão do Piauí



A foto

Nesta fotografia podemos ver a primeira cisterna de plástico implantada no Sertão do Piauí. A fotografia foi obtida no dia 31 de janeiro de 2012 na Comunidade de Chapada da Serra Branca no município de Paulistana, PI.

O fato

Embora o programa de construção de cisternas no semiárido do Nordeste brasileiro já tenha alcançado números superiores a 433 mil cisternas, ainda há muitas comunidades que não tiveram acesso a nenhuma cisterna como é o caso da comunidade de Chapada da Serra Branca no município de Paulistana no Piauí. Essa comunidade com mais de 36 famílias tem enfrentado muita dificuldade com a falta de água para o consumo. A comunidade está localizada em uma área de pouca ocorrência de fontes de água e praticamente tem sido esquecida pelos programas sociais dos governos Federal, Estadual e Municipal. Embora não se saiba a razão pela qual o Programa Um Milhão de Cisternas (P1MC) inda não chegou a tantas comunidades do Sertão, agora os agricultores estão muitos entusiasmados com a iniciativa do governo de implantar 750 mil cisternas para atender as famílias até então não atendidas pelo P1MC em seus mais de 10 anos de atuação.  A primeira cisterna de plástico no Piauí foi implantada no dia 28 de janeiro de 2012 nesta comunidade. A família beneficiada foi a da agricultora Maria Viana que aos 86 anos viu de perto um sonho realizado, uma cisterna para sua família ter água para beber. Esse tipo de cisterna faz parte do Programa Água para Todos, do governo Federal,  coordenado pelo Ministério da Integração Nacional, como parte do Plano Brasil Sem Miséria e conta com apoio dos Ministérios do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), do Ministério do Meio Ambiente (MMA), da Fundação Nacional de Saúde (FUNASA), do Banco do Nordeste (BNB) e da Fundação Banco do Brasil.

Nenhum comentário: