Busca no Blog

Carregando...

segunda-feira, 19 de março de 2012

Chuvas no Sertão de Pernambuco no dia de São José

As fotos

Nestas fotografias podemos observar barreiros na caatinga com água. As fotografias foram obtidas no município de Petrolina, PE.







Os fatos

Hoje 19 de março de 2012 é dia de São José. Choveu em muitos municípios do Sertão de Pernambuco. No distrito de Cristália (Petrolina, PE) a precipitação alcançou mais de 137 mm. Os agricultores do Sertão do Nordeste acreditam que neste dia sempre ocorre chuvas no Sertão e que o milho plantado com essas chuvas estará em ponto de colheita no dia de São João. Historicamente, o mês de março é um dos mais chuvosos do Sertão do Nordeste. Contudo, este ano, foram 18 dias sem qualquer chuva. Em uma série histórica de 1982 a 2011 a média para o mês de março é de 129,4 mm, superando os meses de fevereiro e abril cujas médias são de 83,9 e 68,6 mm, respectivamente. Em termos de maior volume de chuvas registradas em um mês, o mês de janeiro é o primeiro com 431,0 mm registado em 2004, seguido pelo mês de março com 317,9 mm em 1984, fevereiro com 257,1 em 2009 e abril com 154,6 mm em 1989.  Os agricultores que já haviam perdido seus plantios estavam na esperança que em março choveria, contudo, se considerarmos o volume registrado até hoje, choveu somente 20,6 mm neste mês. Somando-se essa chuva as que ocorreram de janeiro até o momento, o total é de 105,1 mm na Estação Experimental da Caatinga na Embrapa Semiárido. Muito pouco comparado com o ano de 2011 quando no dia 19 de março já havia sido registrado um total de 197,4 mm. Os agricultores vão mais uma vez plantar seu milho, feijão, abóbora, etc. Todavia, se as chuvas não continuarem, teremos mais uma perda de safra no Sertão. Até o momento, a água acumulada nos barreiros é muito pouca se comparada com o volume acumulado até o dia 16 de março de 2008.


Nenhum comentário: