Busca no Blog

Carregando...

segunda-feira, 12 de março de 2012

A irregularidade das chuvas no Sertão de Pernambuco em 2012




A foto

Nesta fotografia podemos ver uma formação de nuvens no Sertão de Pernambuco. A fotografia foi obtida no dia 8 de março de 2012 na Caatinga do município de Petrolina, PE.

O fato

Até o momento, o ano de 2012 não tem sido muito promissor para os agricultores do Sertão de Pernambuco. No mês de janeiro não ocorreu nenhuma precipitação na região. Em fevereiro choveu 14,2 mm no dia 10. No dia 11 choveu 5,0 mm e no dia 12 ocorreu uma chuva de 8,5 mm. Neste mês a maior precipitação foi de 56,5 mm no dia 19. Embora a média histórica de 30 anos para janeiro e fevereiro seja de 92,4 e 83,9 mm, respectivamente, o total registrado até o momento não é significativo para a agricultura de sequeiro. A maior ocorrência de chuvas em janeiro foi registrada em 2004 com um total de 431 mm. Em fevereiro a maior precipitação ocorreu no ano de 2009 com um total de 257,1 mm. Para os meses de março e abril as médias são de 129,4 e 68,6 mm, respectivamente. O mês de março de maior precipitação foi registrado em 1984 com um total de 317,9 mm. Para o mês de abril, a maior precipitação foi registrada no ano de 1989 com um total de 154,6 mm. O que se esperar neste momento em todo o Sertão é que ocorra alguma exceção para os meses de abril e maio ou teremos o ano de 2012 como um dos mais difíceis para a região semiárida do Nordeste.

Nenhum comentário: