Busca no Blog

Carregando...

quinta-feira, 26 de abril de 2012

A situação do milho no Sertão com a falta de chuvas


As fotos

Nestas fotografias podemos observar o estádio de desenvolvimento da cultura do milho na caatinga com a falta de chuvas. As fotografias foram obtidas no município de Petrolina, PE.




Os fatos

O ano de 2012 está sendo um dos piores em termos de chuvas no Sertão do Nordeste. No município de Petrolina no mês de janeiro não foi registrada nenhuma precipitação. Em fevereiro choveu um total de 84,5 mm, sendo 0,3 mm no dia 1 de fevereiro, 14,2 mm no dia 10; 5 mm no dia 11 e 8,5 mm no dia 12. A maior precipitação foi registrada no dia 19 de fevereiro com 56,5 mm. No mês de março foram registrados 20,6 mm, sendo 1,5 no dia 7 e 19,1 mm no dia 19 de março. Até o dia 26 de abril não foi registrada nenhuma precipitação em muitas áreas do Sertão de Pernambuco. Muitos agricultores que fizeram o plantio de milho e feijão com as chuvas de fevereiro estão vendo suas plantações se perderem com a forte insolação que tem ocorrido em toda região até este momento de abril. Este ano não haverá milho para ser assado nas fogueiras de São João no Sertão do Nordeste, como se pode ver na fotografia  o milho murcho e morrendo pela falta de chuvas.

Nenhum comentário: