Busca no Blog

Carregando...

segunda-feira, 21 de setembro de 2015

A convivência do nambu com outras aves da caatinga

As fotos

Nestas fotografias podemos observar a convivência do nambu da caatinga com outras aves. As fotografias foram obtidas no município de Petrolina, PE.











Os fatos



Embora o nambu ou inhambu-chintã (Crypturellus parvirostris) seja uma ave arisca e muito difícil de ser vista na caatinga, principalmente por viver sempre ao chão e nas moitas, ele tem uma convivência pacifica com outros pássaros, principalmente quando procuram comida. Como podemos ver nas fotografias o nambu próximo aos cancãos, juritis, cabeça vermelha e outros.  Segundo alguns moradores da caatinga, a imitação de seu canto com um apito de madeira, chamado de arremedo, possibilita a sua aproximação e sua visualização de forma mais fácil. Alguns habitantes da caatinga acreditam que o nambu fica sem cantar até o início das trovoadas. Quando ele canta nos meses de setembro e outubro é um bom sinal para as chuvas. Nas regiões de agreste, o nambu canta ao amanhecer e ao entardecer. Nessas regiões, seu canto é um relógio pontual, isto é, quando o nambu canta são 5 horas da manha, hora de levantar e iniciar as atividades diárias e quando ele canta a tarde está próximo do anoitecer.  Quando um nambu canta os outros respondem e se tem uma bela sinfonia.

Nenhum comentário: