Busca no Blog

Carregando...

quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

As primeiras chuvas no Sertão de Pernambuco e as flores da caatinga

As fotos

Nestas fotografias podemos observar as flores da caatinga, após uma chuva. As fotografias foram obtidas no município de Petrolina, PE.













Os fatos


No Sertão de Pernambuco, a seca começa a perde força com a ocorrência de algumas chuvas em diversas áreas do sertão. De janeiro até hoje, são mais de 300 dias sem chuvas. Nos meses de agosto, setembro, outubro e novembro, não foi registrada nenhuma precipitação na caatinga. No total, são 285,2 mm, sendo 129,7 mm só no mês de abril. Neste início de dezembro, as primeiras chuvas trazem uma nova esperança parta os sertanejos. Há relatos que em algumas comunidades as chuvas encheram os barreiros e pequenos açudes. Nestes locais foram registrados mais de 60 mm nas chuvas do dia 6 de dezembro. A caatinga tem uma capacidade ímpar na recuperação da vegetação totalmente seca e dá uma resposta espetacular com uma grande diversidade de flores logo após as primeiras chuvas. Essa renovação da vegetação tem importância grande para o bioma caatinga, principalmente para alimentação de pássaros, abelhas e outros animais da caatinga que enfrentavam uma restrição severa de falta de alimentos no período de seca.

Nenhum comentário: